domingo, 13 de fevereiro de 2011

Concílio Vaticano II: O que aconteceu?


 Papa Paulo VI:

“Por alguma fissura, a fumaça de Satanás está no
templo de Deus: a dúvida, a incerteza, o questionamento, a preocupação, a
insatisfação, o afrontamento surgiram. (...) Nós pensávamos que o
amanhã do Concílio seria um dia ensolarado para a Igreja. Porém,
encontramos novas tempestades. Nós procuramos cavar novos abismos ao
invés de aplaná-los. Que aconteceu? Nós vos confiaremos nosso
pensamento: foi um poder contrário, do diabo, este ser misterioso,
inimigo de todos os homens, qualquer coisa de sobrenatural, que veio
apodrecer e secar os frutos do Concílio Ecumênico e impedir que a Igreja
brilhe em hinos de alegria por ter descoberto sua própria consciência” 
(Y. Chiron, op. cit. p. 320).

Nenhum comentário: