quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Definidos primeiros Estados que vão substituir RG por cartão.

Diz a Sagrada Escritura:
Conseguiu que todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, tivessem um sinal na mão direita e na fronte, e que ninguém pudesse comprar ou vender, se não fosse marcado com o nome da Fera, ou o número do seu nome. (Ap 13, 16-17)
 
Pois vós mesmos sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como um ladrão de noite. Quando os homens disserem: Paz e segurança!, então repentinamente lhes sobrevirá a destruição, como as dores à mulher grávida. E não escaparão. (1 Ts 5, 2-3)


Modelo criado pelo Instituto Nacional de Identificação (INI)
para o novo documento de identidade

Definidos primeiros Estados que vão substituir RG por cartão

16.09.10: O Comitê Gestor do Sistema Nacional de Registro de Identificação Civil, coordenado pelo Ministério da Justiça, aprovou nesta quinta-feira a certificação digital do cartão que substituirá as cédulas do RG e divulgou os Estados participantes do projeto-piloto do novo sistema. São eles: Alagoas, Bahia, Maranhão, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Distrito Federal.
O cartão magnético, com impressão digital e chip eletrônico, terá um número único de registro de identidade civil. Futuramente, segundo o comitê, o sistema poderá agregar a função de outros documentos, como, por exemplo, o título de eleitor, CPF e PIS-Pasep.
No documento, vão constar nome, sexo, data de nascimento, foto, filiação, naturalidade, assinatura, impressão digital do indicador direito, o órgão emissor, local e data de expedição e de validade. Constará também um código conhecido como MRZ (sigla em inglês para zona de leitura mecânica), uma seqüência de caracteres de três linhas que agiliza o processo de identificação da pessoa e das informações contidas no cartão.
Em reunião anterior, o comitê já havia definido o modelo do cartão que substituirá as cédulas a partir de dezembro deste ano. A previsão é emitir dois milhões de cartões no lançamento do sistema. A substituição da carteira de identidade será feita ao longo de nove anos.
Fonte: Redação Terra.

Nenhum comentário: