quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Banco terá chip em todos os cartões.

Os Sinais do Apocalipse.
 
A MARCA DA BESTA:
 
- "... Conseguiu que todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, tivessem um sinal na mão direita e na fronte, e que ninguém pudesse comprar ou vender, se não fosse marcado com o nome da Fera, ou o número do seu nome. (Ap. 13, 16-17)


 Diz a Sagrada Escritura:
Conseguiu que todos, pequenos e grandes, ricos e pobres, livres e escravos, tivessem um sinal na mão direita e na fronte, e que ninguém pudesse comprar ou vender, se não fosse marcado com o nome da Fera, ou o número do seu nome. (Ap 13, 16-17)
 
Pois vós mesmos sabeis muito bem que o dia do Senhor virá como um ladrão de noite. Quando os homens disserem: Paz e segurança!, então repentinamente lhes sobrevirá a destruição, como as dores à mulher grávida. E não escaparão. (1 Ts 5, 2-3)

 

Banrisul terá chip em todos os cartões

28.03.09: Com a mudança, a partir de maio, correntistas também poderão utilizar a assinatura digital

A partir de maio, o Banrisul começará a substituir os atuais cartões bancários de seus 3 milhões de clientes. A principal novidade do futuro cartão será um chip que, além de conter as informações pessoais sobre o correntista e suportar todas as funções bancárias (saques, consultas de saldos, pagamentos), poderá ser usado como assinatura digital para certificação de documentos eletrônicos.

A mudança será gradual e não deverá ter custo aos correntistas.

– Mais de 700 tipos de serviços públicos poderão ser feitos eletronicamente com o novo cartão – diz Rubens Bordini, vice-presidente do Banrisul e responsável pela diretoria de Gestão da Informação do banco.

Como o novo cartão, o usuário poderá fazer em casa, via internet, serviços que hoje exigem sua presença no guichê do banco ou de alguma repartição pública. Poderá, por exemplo, acessar o site do Detran e trocar o endereço de sua carteira de motorista, já que o sistema reconhecerá sua assinatura digital.

A troca do cartão é a ponta-de-lança de um processo que pretende popularizar o uso da certificação digital pela administração pública gaúcha. Toda a rede de agências de banco, por exemplo, atuará como uma autoridade de registro digital. O cliente deverá se apresentar ao gerente de sua agência e registrar sua certificação eletrônica. A partir daí, poderá assinar até pedido de crédito via internet.

– O Estado será pioneiro em unir todos os poderes no uso da certificação digital – diz Jorge Krug, superintendente de segurança de TI do Banrisul e presidente da Autoridade Certificadora do Rio Grande do Sul (AC/RS), que legalmente emite certificações digitais.

A segurança do sistema é total. Não há como voltar atrás e alegar que não assinou um documento eletrônico.

– Se uma única vírgula do texto for alterada, todo o código também é modificado – explica Krug.

Além da segurança, as principais vantagens da certificação digital são a economia de tempo, das filas, da burocracia e de papel.

– Estamos economizando 40 mil folhas de ofício por mês com a certificação digital. O objetivo é, em dois anos, reduzir pela metade nosso gasto atual de 9 milhões de folhas ao mês – revela Bordini.

Fonte:zero hora



Nenhum comentário: